As touradas, uma grande tradição espanhola

janeiro 24th, 2012

A tourada é um dos espetáculos mais populares e antigos da Espanha, e uma das tradições de nosso país mais conhecidas mundialmente. É um acontecimento que tem sua origem histórica no século XVIII, onde um homem tem que lidar (tourear) a pé um touro bravo dentro de um recinto chamado praça de touros ou arena. É um dos eventos que você não pode perder se estiver realizando um curso de espanhol na Espanha.

A tourada se divide em três partes, ou três terços, como são referidos na Espanha. O primeiro terço, de varas, consiste na lida do touro a cavalo (picadores) com o objetivo de comprovar a força e a disposição do animal. Aqui se realiza a “suerte de capote” (o ato da capa), onde o toureiro desenvolve a “faena” (conjunto de passes realizado pelo toureiro, principalmente com a muleta) enganando ao touro, sendo os mais conhecidos la verónica, la chicuelina ou la porta gayola, entre outros.

Touros, tradição espanhola.

Um toureiro realizando uma veronica

Depois vem a parte das bandarilhas, um dos momentos mais sensacionais da corrida, onde os bandarilheiros cravam nas costas do touro as bandarilhas, varas de madeira cuja haste é enfeitada com uma bandeira ou com fitas de papel colorido, que tem como objetivo reavivar o animal antes da última parte da corrida.

O último terço é onde o toureiro mostra toda a sua arte e habilidade no cara a cara com o touro, na “faena”, antes que ocorra a morte do animal. Esta é a parte mais transcendental da tourada, e quando se veem os melhores passes de muleta por parte do toureiro. Após a “faena”, onde o toureiro demonstra toda a sua maestria, chega o momento da morte do touro com a espada ou o estoque. Terminada a lida, o público manifesta sua opinião sobre a atuação do toureiro. As vaias ou o silêncio em caso de desaprovação e os aplausos e a aclamação se o público houver se agradado. A máxima satisfação para um toureiro é sair pela porta da frente, o que significa que sua corrida foi excepcional. Para isso, deve conseguir ao menos duas orelhas no total de prêmios conferidos, representando os dois touros que correspondem a cada toureiro em uma corrida. As orelhas são outorgadas pelo presidente da arena, que avalia as vaias, o silêncio ou os aplausos do público, inclusive os lenços brancos e todas as mensagens expressadas pelos torcedores.

Na Espanha existem arenas na maioria das cidades, sendo as mais importantes Las Ventas de Madri e La Maestranza de Sevilha. Outras praças de touros de primeira classe são as de BilbaoCórdoba, Málaga, San Sebastian, Valência e Zaragoza. Se você se encontra em uma dessas cidades realizando um curso de espanhol, não hesite em assistir a este grande e tradicional evento de nosso país.

Imagem torero. Yonderboy. http://bit.ly/x1NXCV

Leave a Reply